ENEAGRAMA: Mapa que nos guia na busca de nosso ser interior – Boletim nº 19 – Outubro 2008

O Eneagrama consiste numa poderosa ferramenta de autoconhecimento. É um mapa que revela os segredos sobre as verdadeiras motivações de cada pessoa diante dos desafios do dia-a-dia. O estudo do Eneagrama ajuda a descobrir seu perfil, as variáveis de sua personalidade e a conviver e interagir melhor com as pessoas a sua volta.

Aprofundar-se no conhecimento do Eneagrama é como mergulhar em sua própria descoberta interior. Você mesmo descobre quem realmente é. O Eneagrama objetiva a redescoberta do Ser na busca do equilíbrio e integração humana, ajudando-o a se conhecer melhor, valorizar-se e recuperar sua auto-estima. O Eneagrama oferece opções de caminhos a serem seguidos para que Você possa viver com equilíbrio, alegria, leveza e harmonia aquilo a que se propõe a fazer numa relação de respeito a sim mesmo e aqueles que o rodeiam. A melhor maneira de entendê-lo é através da parábola “redescobrindo a casa”, que descrevo a seguir:

Havia um certo homem que intrigava a sua vizinhança pela forma como vivia; apesar de ter uma linda casa, ele habitava apenas um quarto escuro no porão. E todos cogitavam sobre essa sua atitude.

Perguntavam-se: – Será que ele não quer estragar a casa ou ela não lhe pertence?

Outros diziam: – Acho que deve haver algum fantasma do qual ele tem medo.

E alguns ainda falavam entre si: – Ele deve estar guardando-a para alguém muito especial que virá habitar nela. 

Alheio a esses comentários, o homem continuou em sua vida reclusa e silenciosa, enquanto os outros persistiam em sua curiosidade e suposições…

Em síntese, o Eneagrama é um instrumento que permite a descoberta do nosso tipo de personalidade. Mais que isto, mostra o quarto escuro ou “cubículo em que estamos encerrados e a saída que devemos tomar” (Riso e Hudson – A Sabedoria do Eneagrama).

A escolha de morar em um cubículo é resultado de nos identificarmos com a nossa personalidade – neste caso, quando ela é apenas uma faceta de nossa alma. Já a casa representa a plenitude de todo o nosso Ser ou Essência, que não conhecemos porque “adormecemos para aquilo que somos e para a nossa vida”. Isso porque aprendemos a viver a partir de nossa personalidade, que “em sua essência representa o conjunto de crenças, medos e realizações condicionadas e não necessariamente o nosso verdadeiro Eu e a identificação com ela, o que provoca um profundo auto-abandono”. Por essa razão, muitas vezes insistimos em continuar morando sozinhos no porão.

Você deve estar se questionando: mas como conhecer e habitar a casa do nosso Ser? Sabemos que em muitos momentos da vida sentimo-nos interiormente insatisfeitos, sentindo falta de algo mais, pois o que buscamos e vivemos já não nos preenche. Então é chegada a hora de despertar para o fato de que somos merecedores de uma vida melhor e que podemos trilhar novos caminhos. Só que sozinhos não sabemos como descobri-los. Além do mais, a atitude é fundamental: é preciso querer fazer este trajeto interior de retorno ao lar, pois se trata de um processo pessoal, não bastando que os outros nos digam que “existe um caminho”. Precisamos decidir trilhá-lo, com firmeza e determinação.

Enfim, o Eneagrama é o instrumento que vai ajudar Você a descobrir onde se encontra “preso” ou “amarrado” e indicar o caminho que deve tomar, de modo a aproximar-se de seu próprio Ser ou Essência e despertar para a capacidade de viver experiências mais profundas e tornar-se contínuo transmissor/disseminador do Divino. Assim, sua luz interior se tornará mais forte e brilhará no mundo com mais intensidade. E a “casa” do seu Ser fica habitada, uma vez que Você voltou ao lugar de onde jamais deveria ter saído.

No aspecto relacional, o Eneagrama vai dar a Você um novo olhar para aqueles que o rodeiam, pois passará a percebê-los como únicos e, portanto, diferentes. A partir dessa compreensão, as relações serão mais verdadeiras, respeitosas e transparentes. Além do quê,  Você não mais vai gastar tanta energia para esconder suas fraquezas, medos, inseguranças e outros sentimentos dessa ordem, mas sim usar essa mesma força para lidar melhor com tais questões, de forma a não permitir que elas o sufoquem e o impeçam de viver de uma maneira adequada. Literalmente, é como deixar de usar máscaras e mostrar-se  como  Você verdadeiramente é, com qualidades negativas e positivas, porém com o foco em suas virtudes, descobrindo-as e desenvolvendo-as.

Concluo sugerindo que Você venha viver esta enriquecedora experiência conosco e redescubra o seu “caminho de casa”.

Maria Helena Oliveira Cardoso

Pedagoga e colaboradora do Clube dos Desaposentados

 Para refletir:

“Por mais longe que você vá, jamais descobrirá os limites da alma”. (Heráclito)

17 Respostas para“ENEAGRAMA: Mapa que nos guia na busca de nosso ser interior – Boletim nº 19 – Outubro 2008”

  1. Silma Maria Ribeiro Silva diz:

    Gostei mais uma vez do texto apresentado. Este assunto é muito interessante. É curiosa nossa resitência em não quer nos conhecermos. Tudo se inicia em nós, de dentro para fora. Se temos meios, pessoas ou sistema disponíveis para nos ajudar, por que não usá-los, usufruir de tais ferramentas. Não nos conhecemos por inteiro e talvez,creio eu, nunca nos conheceremos, mas se podemos saber mais a respeito de nós mesmos, por que não o fazer.
    Gostei da parábola. Aquele homem agiu corretamente, não arriscou morar onde ele não conhecia, mas ficará para sempre assim? Necessitamos urgentemente conhecer melhor os cômodos de nossa vida(nossa casa) e curtir o melhor possível, afinal, nós a construimos, nós a mobilhamos, nós a conservamos e a reformamos sempre que necessário, então, porque não usufruí-la.
    Fiquem atentos aos seus Eus. Conheçam-se, e curtam-se, você é único e o mais importante de todos.
    Parabéns pelo texto. Já li algo sobre Eneagrama e lerei mais. Fiquei curiosa.
    Até breve
    Silma

  2. Clube dos Desaposentados diz:

    Olá Silma
    Grato pelo contato e, de maneira especial, pelas suas considerações sobre esse artigo, profundas como as demais. Parabéns.
    Aqui também posso dar um testemunho pois a formação em eneagrama foi muito importante na minha vida. Foi após me aposentar e participando de cursos sobre eneagrama, visitando cômodos de minha vida não visitados até então, que me redescobri.
    O eneagrama é um mapa que revela os segredos sobre as verdadeiras motivações de cada pessoa diante dos desafios do dia a dia. O estudo ajuda a descobrir seu perfil, as variáveis de sua personalidade e a conviver e interagir melhor com as pessoas a sua volta. Aprofundar-se no conhecimento do eneagrama é como mergulhar em sua própria descoberta interior. Você descobre quem realmente é. O eneagrama oferece opções de caminhos a serem seguidos para que você possa viver com equilíbrio, alegria, leveza e harmonia. Aquilo que se propõe a fazer numa relação de respeito a si mesmo e àqueles que o rodeiam.

  3. Felisberto Martins Duarte diz:

    Gostei bastante do texto apresentado, realmente não nos conhecemos interriormente e é uma busca incessante pelo nosso “eu interior” e esse assunto abordado Eneagrama me chamou muito atanção, achei muito interessante, sou novato aqui, voces teriam um exemplo desse mapa para me passarem, pois estou prestes a me aposentar e preciso de ajuda.

    Grato pela atenção

  4. Hoje percebo que sempre vivi em poucos cômodos do meu ser. Como aposentado estou procurando conhecer melhor os espaços desconhecidos de mim mesmo de várias formas. Através deste curso acredito que serão abertas algumas portas, de partes ainda não exploradas, que me proporcionarão um viver melhor, comigo mesmo e com as pessoas que me rodeiam, nesta nova fase de minha vida.

  5. Clube dos Desaposentados diz:

    Caro Márcio
    Obrigado pelas suas contribuições no forum. Fico feliz e o cumprimento pelas suas reflexões, que demonstram a seriedade e profundidade com que você está aproveitando a oportunidade do PPA. A grande verdade é que durante a vida profissional ficamos tão envolvidos e comprometidos com as demandas do trabalho que pouco tempo temos para nós mesmos,. Aqueles que trabalham sempre numa mesma atividade/profissão/empresa tendem a estabelecer rotinas no cotidiano difíceis de serem alteradas. ficam presos a hábitos, crenças e padrões de comportamentos em que parece muito pesado mudar. conversam com as mesmas pessoas, consomem das mesmas fontes de informações, praticam os mesmos entretenimentos, buscam os mesmos objetivos. Esse curso está estruturado de forma que permita ao aluno fazer uma redescoberta do seu ser, visitando outros cômodos do seu ser, antes desconhecidos. É preciso olhar ao seu redor com novos olhos, para descobrir outros mundos, ricos e maravilhosos. Siga em frente, leia todos os artigos sugeridos e reflita sobre todos os exercícios, para que, ao final, você esteja melhor preparado para o 2º tempo de sua vida.. Receba meu fraternal abraço.

  6. Claudio Sérgio Massuci diz:

    Houve um “toque” no meu ego e trouxe-me à luz uma visão mais clara do que posso alcançar no memonte defícil q vivo agora.
    Muito obrigado.

  7. José Glaydson de souza diz:

    Maravilha de texto que nos faz refletir sobre uma viagem ao nosso interior, a necessidade de nos redescobrirmos e a identificação de uma identidade pessoal, não mais profissional.

  8. Gostei do texto porque trouxe uma ampla visão sobre minha entidade interior. Posso acrescentar que não estamos aqui para sempre no “plano terrestre” devemos ter em mente a vida futura – a próxima etapa – tambem.

  9. Clube dos Desaposentados diz:

    Olá Darci
    No meu caso específico, o estudo mais aprofundado do eneagrama foi uma excelente oportunidade de me autoconhecer e de poder interagir com as pessoas a minha volta. Recomendo aprofundar o estudo no tema

  10. A busca pelo nosso eu, é algo fantástico, faz com que repensemos nas nossas atitudes.
    A nossa caso é espelho do que somos e pensamos, emana energias, boas e ruins dependendo da situação.
    É bom poder fazer um eneagrama e se redescobrir, se conhecer melhor. Gostaria de saber se a Pedagoga
    Maria Helena pode nos orientar como fazer este eneagrama.

  11. Clube dos Desaposentados diz:

    Olá Lucia
    Que bom que gostou do artigo. A Maria helena poderá ajudá-la sim nos estudos do eneagrama e, pelo que me consta, já fez um curso de Eneagrama na UTFPR no início de 2013. Ela está à disposição.

  12. Irani C.O.Correia diz:

    Texto muito interessante sobre o Eneagrama. Fico muito curiosa e interessada no assunto e como aplicá-lo na minha vida. Estou na busca do meu autoconhecimento e preciso de uma luz em como desenvolver esse processo. Adorei o texto e vou procurar me aprofundar no assunto. abraços,

  13. Este assunto Eneagrama é novo para mim. Um abraço

  14. Também nunca trabalhei com eneagramas…

  15. Também gostei muito do texto. O fato de nos conhecermos “melhor” fará uma pessoa melhor e para os outros também. Acredito também que ajudará e muito em nossa nova empreitada: aposentada. Não tenho muito conhecimento de ENEAGRAMA e gostaria de textos e ajuda.

  16. Iolanda Bueno de Camargo Cortelazzo diz:

    O texto foi muito provocativo e trouxe-me conhecimentos novos. Nunca havia ouvido falar de eneagrama. E a metafora utilizada é reveladora.
    Grata pela oportunidade de ampliar conhecimenos e sensações,

  17. Idevar Alves da Rosa diz:

    Olá!!!
    O texto é muito interessante, fez refletir sobre uma tarefa que a mim foi proposta em 2004, em primeira mão disse não ter competência para executar. Com impulso de colegas e cursos de relacionamento interpessoal e outros descobri que tudo era possível.

Deixe uma resposta

Comentários Recentes